Autor
Tópico: O que as mulheres dizem sobre nós e os relógios?  
Guilherme
Usuário Nivel 5

Postagens: 1544
Registro: 29/7/2005
Local: São Paulo - SP - Brasil
Idade: 32 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 21/2/2006 17:35:00  

Olá amigos,

Ao ler as últimas mensagens do Carlos e do Adriano no tópico "que relógio está usando hoje", achei bastante interessante comentarmos sobre o que as mulheres pensam sobre nosso hobby de colecionar relógios. Vou começar falando de duas situações:

- Quando eu tinha meus 21 anos de idade, ainda estudante universitário e "duro" de grana, eu namorava com uma garota, crente tipo do rabo quente, e ela sempre comentava que não gostava de ir aos Shopping centers comigo, porque toda joalheria que chegava à minha frente eu parava para ver os relógios, e não para ver as alianças como ela queria . Depois de tanta insistência dela nós acabamos noivando, e num belo dia em frente uma relojoaria eu comentei que gostaria de comprar tal relógio, e ela simplesmente me disse: "se depender de mim você nunca comprará um relógio destes..." Poucos dias após, eu terminei com ela .

- Já a minha esposa é muito "boa praça", não esquenta a cabeça com meu excentrismo e às vezes até entra na brincadeira (ela também gosta de relógios, mas ela como mulher, prefere as jóias, lógico). No fim de ano sempre brincamos um com outro sobre o que cada um gostaria de ganhar (já sabemos a resposta ). O problema é que quando junta ela com meu pai (sarrista) ambos começam a tirar onda, tipo "Guilherme,
escolha o que quer comer no almoço, mas só não vale relógio...", e coisas assim.

Um abraço, Guilherme.

   
Adriano
Usuário Nivel 5

Postagens: 9888
Registro: 13/8/2003
Local: São Paulo - SP - Brasil
Idade: 26 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino  Aniversário em 9/5
 Postado em 21/2/2006 17:56:00  

Minha namorada gosta de relógios para ela (mas claro que nada comparado comigo), e também gosta dos meus relógios. Ela nunca se queixou nem nada, e não se importa quando eu fico namorando relógios nas vitrines. Afinal, ela fica lá namorando os sapatos e eu também não ligo. Por vezes, no shoppping, ocorre a frase "Vai olhando aí (os sapatos) que eu vou dar uma olhada ali (nos relógios)".

Já dei alguns relógios para ela e ela gosta bastante. Ela sempre gostou dos modelos de mergulho que eu tenho, mas é bem difícil achar um modelo de mergulho feminino, ainda mais um que não seja um "pseudo-diver".
Até que achei esse (super-ultra barato) e presenteei ela, é uma belezinha, e ela gosta bastante dele.






Para ter idéia do tamanho dele:




Pior é que invejo esse Seikinho, afinal ela agora tem um Seiko Diver's Professional, coisa que eu ainda vou demorar muito para ter...

Então é tudo na boa comos meus relógios. É bastante comum eu pedir opinião (estética) dela sobre os relógios. Por exemplo aquele Orient "tonneau" que pretendo comprar, pedi a opinião dela sobre escolher entre o modelo branco ou o preto.

A única coisa que ela não gosta de ouvir muito é preços, mas isso vale pra tudo. Por isso não ultimamente não dou muito detalhes de preço, pois é aquele negócio: se eu chegar pra ela e falar que comprei um Rolex Day-Date de ouro rosa por 800 reais, ela vai falar "800 reais???????? Tudo isso???????".

No final acho que é tudo uma questão de respeito. O dinheiro ainda é meu e por isso acho que ela deve respeitar (e de fato respeita) o que eu faço com ele, assim como respeito o que ela faz com o dela. Ou melhor, o que ela não faz com o dela, pois ela eu preciso incentivar a gastar, às vezes ela fica regulando uma roupa mesmo que seja barata. Aí quando resolve comprar, não tem mais e fica chupando o dedo.
Mas acho que é tudo questão de respeitar o outro. Não vejo motivo para os relógios serem problema para mulher alguma. Concordo sim que no caso de marido e mulher, é foda gastar uma puta grana num relógio sabendo que ela quer alguma coisa nova na casa ou algo assim. Mas é tudo questão de conversar e respeitar.
Parece que tem mulher/namorada por aí que enche o saco só pelo prazer de encher.

Acho também que é difícil uma mulher ter grandes argumentos para que não compremos relógios, sendo que muitas compram inúmeras roupas, bolsas e sapatos que custam uma puta grana e usam uma vez a cada 5 anos, quando usam. Pelo menos gastamos com algo que dura a vida inteira (e mais um pouco), e usamos sempre. Uma sandália feminina por aí custa 200 paus, e ou a mulher compra e não usa (o que é um desperdício), ou então se comprar e usar todo dia, a sandália vai virar pó dali uns 2 anos.

Abraços!

Adriano




Once is an accident. Twice is coincidence. Three times is an enemy action.
   
Carlos Souza
Usuário Nivel 3

Postagens: 220
Registro: 12/12/2005
Local: Belo Horizonte - MG - Brasil
Idade: 28 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  MSN Messenger  Sexo Masculino
 Postado em 21/2/2006 18:11:00  

ahh.... duca*** , vou ter que começar aqui então (ou quase, porque do jeito que sou lerdo, quando terminar, aposto que alguém já postou)! No tópico do "que relógio está usando hoje" não quis me alongar, também porque não é o propósito daquele tópico, mas esntão vou dizer.

Namoro já a uns três anos e, como todos sabem, comprei meu primeiro relógio a uns três meses, junto com a inscrição aqui. Acontece que acho que ela não está gostando muito da idéia - acho que ela preferiria que eu gastasse meu dinheiro com ela - e, a medida que me vê com um relógio novo no pulso, vai ficando irritada e com ciumes do meu novo hobby. Acho que fica com ciumes porque tem medo dessa atividade tomar meu tempo em que poderia estar com ela.

Hoje estou com 11 relógios. Ela pensa que tenho três. A situação é cômica, porque nesse começo estou comprando praticamente um relógio por semana e, quando chego com um novo no chopp do sabado a tarde com os amigos eles logo já dizem "ihh... como é que você vai mostrar esse para ela". Não mostro! quando chegou o Seiko militar, logo neste final de semana, estava louco pra usar ele e ia encontrar com ela. Aí não ressisti, pus no pulso e fui com a cara e a corágem. chegando na casa dela, depois de um tempo (demorou um tempão) ela mandou:

- Que relógio é esse? tá de relógio novo?
- Não, é o mesmo. Olha aqui a pulseira NATO.
- Não é o mesmo não! A pulseira é igual, mas o relógio é diferente! olha aqui ó!
- A é, não tinha te mostrado esse não, hehe? já tem um tempinho que comprei (como se justificasse algo!).
- Tá colecionando é?
- É, quer dizer, mais ou menos.
- Hum...

E não falou mais nada. Achei até estranho na hora. Na outra semana, já veio a justificativa: a bichinha deu um jeito de achar um pacote bem carinho de carnaval para a gente, justamente quando eu já estava esperando que nem iriamos viajar.

se vingou com estilo. Eu não falei nada, nem sou bobo, fui logo pagando porque sei muito bem o que vou ouvir se reclamar:

AH, MAS PRA GASTAR COM RELÓGIO VOCÊ TEM DINHEIRO, NÉ BONITÃO!!

vai bobo


Abs,

Carlos


   
Carlos Souza
Usuário Nivel 3

Postagens: 220
Registro: 12/12/2005
Local: Belo Horizonte - MG - Brasil
Idade: 28 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  MSN Messenger  Sexo Masculino
 Postado em 21/2/2006 18:12:00  

não falei??

Abs,

Carlos

   
Lobo
Usuário Nivel 5

Postagens: 3298
Registro: 19/8/2005
Local: Campinas - SP - Brasil
Idade: 45 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Usuário sem Página  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 21/2/2006 18:22:00  

A minha mulher não reclama nada dos relógios. Nunca reclamou dos carros, das canetas, do que quer que eu já tenha colecionado. Ela reclama é das minhas ausências provocadas pelos hoobys.
Às vezes ela pergunta qtos eu tenho e quanto custou esse ou aquele, mas eu que não sou burro dou sempre uma desconversada. Respondo sempre que tenho mais de um, com sorrizinho maroto e no item preço falo que é difícil saber pois foi rôlo do rôlo do rôlo, etc. É claro que ela não engole isso, mesmo porque também não é burra e conhece muito bem as coisas boas, mas não confessar ajuda pacas!
[]s, Lobo.

   
Adriano
Usuário Nivel 5

Postagens: 9888
Registro: 13/8/2003
Local: São Paulo - SP - Brasil
Idade: 26 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino  Aniversário em 9/5
 Postado em 21/2/2006 18:40:00  

Esse negócio de ter meio que esconder e desconversar eu acho bem chato. Não gosto muito disso, gosto de dividir as coisas com a outra pessoa, e divido esse meu hobby com minha namorada. Ela sabe de cada relógio que tenho, de como quando e onde comprei, e etc. Ela sabe se todos os relógios que eu gostaria de ter e dos quais pretendo comprar. Por exemplo, ela ficou bem contente quando apareci domingo retrasado com o Omega Dynamic, pois ela sabia que eu queria aquele relógio há tempos.

Um detalhe: ela sabe também que só gasto com relógios quando posso. Fim do ano passado deixe de comprar relógios para dar um jeito no meu computador e completar um upgrade que havia ficado pela metade, e neste mês comprei roupas, que precisava mesmo, e gastei uma boa grana, adiando a compra de mais relógios.

Abraços!

Adriano


Once is an accident. Twice is coincidence. Three times is an enemy action.
   
TempusVivendi
Usuário Nivel 5

Postagens: 2302
Registro: 28/1/2005
Local: A Oeste de Meca - SP - Brasil
Idade: 53 anos
Dados do Usuário  E-mail do Usuário não disponível  Página do Usuário  Mensagem Privada  ICQ  MSN Messenger  Sexo Masculino
 Postado em 21/2/2006 18:52:00  

Pessoal,

Bom em todas as minhas relações fiz e comprei o que tinha vontade.
Acho que pela minha personalidade, nenhuma se atreveu a me questionar.
Mentindo, apenas uma, me questionou, não falei nada, apenas a olhei de um jeito congela pinguim. Foi o suficiente.

Falei,

Paulo

__________________________________
http://www.tempusvivendi.com.br/
Skype: tempusvivendi
Celular: 0xx15.9705-1548
   
Carlos Souza
Usuário Nivel 3

Postagens: 220
Registro: 12/12/2005
Local: Belo Horizonte - MG - Brasil
Idade: 28 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  MSN Messenger  Sexo Masculino
 Postado em 21/2/2006 18:52:00  

ah, mas esconder não tem jeito não. Mais cedo ou mais tarde ela vai ficar sabendo de todos que eu tenho. Mas no começo é bom ir com calma, tanto porque rola aquela coisa de ciume de estar gastando meu tempo e dinheiro, dando atenção para outra coisa.

Justiça seja feita, ela nunca brigou por nada que decidi fazer nesses 3 anos. E ela é muito companheira. Não sou o tipo do cara abonado e quando as vezes a coisa aperta, ela sabe levar em consideração. Já desconversar é normal, e não engana ninguém. É só pra não ficar falando de dinheiro mesmo.

Mas que ela soube dar o troco nesse carnaval ela soube

Abs,

Carlos

   
HumbertoReis
Usuário Nivel 5

Postagens: 1191
Registro: 3/10/2004
Local: Guanambi - BA - Brasil
Idade: 35 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  MSN Messenger  Sexo Masculino
 Postado em 21/2/2006 18:55:00  

Minha esposa gosta de minha fissura por relógios. Por vezes me acompanha em visitas a sites e nos shoppings divide eventualmente o espaço da vitrine comigo, à procura de um modelinho feminino...

Tenho certeza de que ela adora quando gasto meu tempo e imaginação com os relógios, pois não posso estar noutro lugar - no espaço físico ou em pensamento - ao mesmo tempo... Sacaram?


_______________________
Humberto Reis
http://www.humbertoreis.med.br/
http://www.portalppc.com/

   
EBBernardes
Usuário Nivel 3

Postagens: 300
Registro: 4/6/2005
Local: A place without name - TO - Brasil
Idade: 1 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 21/2/2006 19:09:00  

Apesar de comercializar, trocar e "rolar" relógios, também tenho os meus preferidos e minha mulher não liga, até porque não escondo e faço questão de dizer quanto paguei, e digo logo:
- Viu que barato? Se um dia precisar vender dá prá ganhar uma grana!

É que nem botequim, tem que falar o nome dos amigos na maior naturalidade, porque senão a coisa pega.

Esconder preço ou apenas dizer que foi rolo pode não ser muito bom, já vi viúva de colecionador jogar fora as "tralhas" por não ter a menor noção do que tinha em mãos.

Abraços,
Eduardo

http://www.ebbernardes.com/
(19) 9199 7191

   
 

2 ] 3 ] 4 ]