Autor
Tópico: Patek Philippe com tecnologia silício  
fa
Usuário Nivel 5

Postagens: 2794
Registro: 20/4/2005
Local: Fortaleza - CE - Brasil
Idade: 50 anos
Dados do Usuário  E-mail do Usuário não disponível  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 9/12/2005 11:39:00  

É o modelo " Quantième Annuel Réf. 5250 ".
Rolamentos com esfera de zirconio e roda do escapamento em silício, que dispensa lubrificações, e é mais eficiente do que as comuns de metais, em função de sua baixa densidade.
Essa qualidade física, segundo li, é por demais importante.
E por que ? Porque a roda da exaustão de um relógio de pulso, de acordo com sua freqüência, é parada, a seguir acelerada 6 ou 8 vezes em um segundo.
"Isso representa, por exemplo, para um relógio de 28 800 alternações por a hora, 691 200 alternações por dia, ou 252 milhões por o ano.
Em um relógio suíço comum, 65% da energia do movimento são absorvidas pelo escapamento. Isso significa que a massa da roda do escapamento tem uma influência enorme na operação do movimento.
Se é mais baixa a massa da roda, maior é a aceleração, o que faz possível obter o melhor desempenho de todo o movimento.".
Aos "mestres" as maiores explicações são esperadas.
Afora as novidades, o relógio é lindo.
Abraços,







fa
   
jeans
Usuário Nivel 5

Postagens: 2962
Registro: 12/10/2005
Local: Brasília - DF - Brasil
Idade: 33 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  MSN Messenger  Sexo Masculino
 Postado em 9/12/2005 11:56:00  

FA, o acabamento dos Pateks é de arrasar quarteirão!!!!

   
Adriano
Usuário Nivel 5

Postagens: 9890
Registro: 13/8/2003
Local: São Paulo - SP - Brasil
Idade: 27 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino  Aniversário em 9/5
 Postado em 9/12/2005 12:58:00  

Pra mim é novidade que a inércia da roda de escape é que toda esse energia da corda. Que eu saiba é o impulso quem consome maior parte da energia. Sinceramente acho que talvez isso seja história pra boi dormir. Duvido que a inércia da roda de escape seja assim tão crítica. A roda de escape é uma peça extremamente leve enquanto a força produzida pela corda é realmente absurda. Não creio que a roda de escape sofra de "lentidão" só pelo seu peso. Eu já segurei com um palitinho uma roda de escape com a corda cheia, sem âncora. A força que chega na roda de escape é muito forte! Impessiona.

E o que é essa tal "aceleração"? Melhora a aceleração do quê? Da roda de escape? A roda de escape não precisa de aceleração mais rápida. Pelo contrário: se a aceleração fôr mais rápida do que o movimento da âncora, ela escaparia os dentes, que é o que acontece com um relógio defeituoso por exemplo. Então tenho lá minhas dúvidas quanto à isso, a não ser que seja melhor explicado. Isso aí, no máximo, reduz a perda de eficiência com a corda fraca. Mas relógio nenhum é feito nem projetado para ser usado com pouca corda. Então realmente essa "vantagem" aí pra mim ficou confusa.

Não duvido que haja vantagem com peças mais leves, acredito que haja mesmo, o que duvido é que isso seja o motivo principal ou que o peso seja um grande vilão. Ora, porque então não fazer a âncora mais leve também? Já ouvi dizer sim, que a âncora é bom que ela seja mais leve.

No mais, concordo 100% com o ponto da lubrificação, esse, no meu entender, é o mais importante.

Abraços!

Adriano


Once is an accident. Twice is coincidence. Three times is an enemy action.
   
fa
Usuário Nivel 5

Postagens: 2794
Registro: 20/4/2005
Local: Fortaleza - CE - Brasil
Idade: 50 anos
Dados do Usuário  E-mail do Usuário não disponível  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 9/12/2005 13:16:00  

As informações que passei e que estão entre aspas (vide acima) foram tiradas de uma fonte confiável (Horlogerie Suisse), consoante o texto abaixo transcrito, que deve merecer toda confiança.
Abraços,

"Nouveauté mondiale Patek Philippe : première roue d’ancre en silicium pour échappement à ancre suisse

Une minuscule roue en silicium dans le rouage d’un mouvement horloger constitue un pas important dans l’histoire du développement de la mécanique horlogère. La première roue d’ancre en silicium monocristallin pour échappement à ancre suisse représente une véritable révolution dans le développement de l’art horloger.

La masse d’une roue en silicium, en raison de sa faible densité, est de deux tiers plus légère qu’une roue semblable en acier. Cette qualité physique est d’une importance majeure pour la roue d’échappement. En effet, la roue d’échappement d’une montre-bracelet est, selon sa fréquence, arrêtée, puis accélérée (demi-oscillation), 6 ou 8 fois par seconde. Cela représente, par exemple, 28 800 alternances par heure, 691 200 alternances par jour, ou 252 millions alternances par année, pour un mouvement qui bat à une fréquence de 4 Hertz.

Dans une montre traditionnelle à échappement à ancre suisse, 65% de l’énergie du mouvement est absorbée par le mécanisme d’échappement. Cela signifie que la masse de la roue d’échappement a une influence déterminante sur le fonctionnement du mouvement. Plus la masse de la roue est faible, plus l’accélération est importante, ce qui permet d’obtenir une meilleure transmission de l’énergie au balancier."





fa
   
Adriano
Usuário Nivel 5

Postagens: 9890
Registro: 13/8/2003
Local: São Paulo - SP - Brasil
Idade: 27 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino  Aniversário em 9/5
 Postado em 9/12/2005 13:37:00  

Postar em francês pra mim não adianta nada, pois tudo o que sei de inglês é o tanto que não sei de outras língüas estrangeiras.

Pra mim era claro que a informação é de alguma fonte externa e confiável, mas pra mim não muda nada. Está mal explicado, faltam detalhes importantes aí para minha compreensão da coisa toda.
Concordo que a massa da roda de escape é importante, mas sempre foi feita de aço e nem por isso ela foi considerada um problema a ser resolvido. O texto está mal redigido e "puxando o saco" da novidade, como se a roda de escape de aço sempre tivesse sido um calcanhar de aquiles relevante no funcionamento do relógio. Isso é que eu não concordo.

O desfecho é que fico péssimo, pois terminou dizendo que "a melhor aceleração da roda de escape melhora todo o desempenho". Sim, mas como? É isso que quero entender para concordar com a coisa. Quero saber como é que a aceleração melhor melhora o desempenho? Não adianta simplesmente que o escapamento roube menos força, e que mais força chegue no balanço, pois sem que ele seja modificado, ele apenas irá "bater" no fim do seu curso. Esse tipo de explicação do site na verdade não explica nada, pois pula a parte mais importante, pelo menos pra mim. É uma explicação pro leigo achar bonita.

Eu gostaria de saber como a aceleração da roda de escape melhora o desempenho, se melhora o impulso, se reduz as perda no bloqueio ou se encurta o período de impulso. Pois se nada mais fôr modificado, uma aceleração mais rápida da roda de escape apenas fará com que ela bata com mais força na face de bloqueio. Por isso acredito que para tirar vantagem de uma roda mais leve, várias outras coisas devem ser ligeiramente diferentes. É isso que o texto não explica. E aliás, acho que ninguém saberá explicar.
Acho que a informação mais importante é que faltou: se o escapamento normal "rouba" 65% da força, e se esse é o grande problema, esse número cai para quanto com o uso dessa roda?

Abraços!

Adriano


Once is an accident. Twice is coincidence. Three times is an enemy action.
   
fa
Usuário Nivel 5

Postagens: 2794
Registro: 20/4/2005
Local: Fortaleza - CE - Brasil
Idade: 50 anos
Dados do Usuário  E-mail do Usuário não disponível  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 11/12/2005 08:16:00  

Como eu não entendo nada mesmo, e a fonte é segura, não tenho porque não crer no texto em francês, que certamente foi escrito por alguém com conhecimentos para afirmar o que afirmou.
Abraços,

fa
   
Adriano
Usuário Nivel 5

Postagens: 9890
Registro: 13/8/2003
Local: São Paulo - SP - Brasil
Idade: 27 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino  Aniversário em 9/5
 Postado em 11/12/2005 16:15:00  

Assim como eu.

Abraços!

Adriano


Once is an accident. Twice is coincidence. Three times is an enemy action.
   
flávio
Usuário Nivel 5

Postagens: 2827
Registro: 18/2/2003
Local: - ?? - Brasil
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 11/12/2005 16:51:00  

Realmente, o lance da lubrificação é uma grande vantagem. Aliás, acho que os novos materiais ainda serão muito utilizados nos relógios modernos. O relógio em si, já sabem minha opinião: lembram-se quando perguntaram qual o relógio era o que mais gostava? O Annual...
Flávio