Autor
Tópico: Preâmbulo às Instruções para Dar Corda ao Relógio  
Davi-ES
Usuário Nivel 3

Postagens: 219
Registro: 5/7/2004
Local: Rio de Janeiro - RJ - Brasil
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 26/10/2005 17:41:00  

Caros amigos,

Não se enganem pelo título desta mensagem, pois aqui não tratarei de relógios da forma mais convencional. Na verdade, o título remete a um conto de Júlio Cortázar. Descobri este conto recentemente e gostaria de compartilhá-lo com vocês. Leiam e me digam se ele não merece estar aqui.

Um abraço e espero que gostem,

Davi

P.S. Coloco o conto no original e em seguida uma tradução meio "tabajara" que fiz.
________________________________________________________

Preámbulo a las instrucciones para dar cuerda al reloj - Julio Cortázar

Piensa en esto: cuando te regalan un reloj te regalan un pequeño infierno florido, una cadena de rosas, un calabozo de aire. No te dan solamente un reloj, que los cumplas muy felices, y esperamos que te dure porque es de buena marca, suizo con ancora de rubíes; no te regalan solamente ese menudo picapedrero que te ataras a la muñeca y pasearas contigo. Te regalan -no lo saben, lo terrible es que no lo saben-, te regalan un nuevo pedazo fragil y precario de tí mismo, algo que es tuyo, pero no es tu cuerpo, que hay que atar a tu cuerpo con su correa como un bracito desesperado colgandose de tu muñeca. Te regalan la necesidad de darle cuerda para que siga siendo un reloj; te regalan la obsesión de a atender a la hora exacta en las vitrinas de las joyerías, en el anuncio por la radio, en el servicio telefónico. Te regalan el miedo de perderlo, de que te lo roben, de que se caiga al suelo y se rompa. Te regalan su marca, y la seguridad de que es una marca mejor que las otras, te regalan la tendencia a comparar tu reloj con los demas relojes. No te regalan un reloj, tu eres el regalado, a tí te ofrecen para el cumpleaños del reloj.


Preâmbulo às Instruções para Dar Corda ao Relógio

Pensa nisto: quando te presenteiam um relógio, presenteiam-te um pequeno inferno florido, uma cadeia de rosas, uma masmorra de vaidade. Não te dão somente o relógio, muitos parabéns, que te dure muitos anos, pois é de uma ótima marca, suíço com âncora de rubis; não te presenteiam somente esse pequeno pedreiro, que prenderás ao pulso e passeará contigo. Oferecem-te – mas sem saber, o terrível é que sem saber -- um novo pedaço frágil e precário de ti mesmo, algo que é teu, mas não é o teu corpo, que tens de prender com uma correia, como um bracinho desesperado pendente do pulso. Oferecem-te a necessidade de lhe dar corda todos os dias, a obrigação de dar corda para que continue a ser um relógio; oferecem-te a obsessão de conferir as horas certas nas vitrines das joalharias, no rádio, com o serviço telefônico. Oferecem-te o medo de o perder, de seres roubado, de que caia ao chão e se parta. Oferecem-te uma marca, e a convicção de que é uma marca superior às outras; oferecem-te a tentação de comparares o teu com os outros relógios. Não te oferecem um relógio, és tu o oferecido, a ti oferecem para que o relógio possa nascer.



   
Adriano
Usuário Nivel 5

Postagens: 9890
Registro: 13/8/2003
Local: São Paulo - SP - Brasil
Idade: 27 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino  Aniversário em 9/5
 Postado em 26/10/2005 17:58:00  

Caramba, nunca pensei por tal lado. É verdade. Muito bonito! Obrigado por compartilhar!

Abraços!

Adriano


Once is an accident. Twice is coincidence. Three times is an enemy action.
   
EBBernardes
Usuário Nivel 3

Postagens: 300
Registro: 4/6/2005
Local: A place without name - TO - Brasil
Idade: 1 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 26/10/2005 18:04:00  

Antecessor do bichinho virtual!

Mas absolutamente verdadeiro!

Abraços,
Eduardo

   
jeans
Usuário Nivel 5

Postagens: 2963
Registro: 12/10/2005
Local: Brasília - DF - Brasil
Idade: 33 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  MSN Messenger  Sexo Masculino
 Postado em 26/10/2005 18:22:00  

Davi, belo texto! relamente merece em estar por aqui, afinal é sobre relógios, e esse ainda é de corda manual

[]`s Jean

   
Lobo
Usuário Nivel 5

Postagens: 3301
Registro: 19/8/2005
Local: Campinas - SP - Brasil
Idade: 45 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Usuário sem Página  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 26/10/2005 18:23:00  

Muito profundo e belo!
[]s,Lobo.

   
fa
Usuário Nivel 5

Postagens: 2794
Registro: 20/4/2005
Local: Fortaleza - CE - Brasil
Idade: 50 anos
Dados do Usuário  E-mail do Usuário não disponível  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 26/10/2005 19:42:00  

Realmente, somos "vítimas" dos relógios.
Legal, Davi.
Abraços,

fa
   
volante
Usuário Nivel 3

Postagens: 218
Registro: 24/1/2004
Local: natal - RN - Brasil
Idade: 56 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 26/10/2005 20:29:00  

Legal Davi, muito legal este texto, que me fez recordar o primeiro relógio que ganhei de presente quando garoto, um pequeno Mondaine folheado a ouro, a prova de choque, que de tanto testar a sua resistencia acabei quebrando-o e ficando na maior tristeza. Um abraço. Volante.

Volante
   
Wadley
Usuário Nivel 4

Postagens: 680
Registro: 24/2/2003
Local: Belo Horizonte - MG -
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 27/10/2005 07:10:00  

Jóia...

Wadley Deotti
   
solano
Usuário Nivel 5

Postagens: 4325
Registro: 9/12/2004
Local: Rio - RJ - Brasil
Idade: 19 anos
Dados do Usuário  E-mail para o usuário  Página do Usuário  Mensagem Privada  Sexo Masculino
 Postado em 27/10/2005 12:18:00  

Ótimo texto e um tema muito interessante sobre o desejo e a posse. É muito comum este fenômeno com animais de estimação... Na verdade eles são os donos da gente, ficamos escravos e felizes, isto é muito louco mesmo!

Abs.